Datas Comemorativas

Hoje é: Dia do Médico.

Amanhã é: Dia do Profissional da Informática.

Coluna 10

Andréa Marques - andrea@nota10.com.br

Diretora e Editora do Site Nota 10

Paraná estuda ampliar o ensino integral nas escolas estaduais

O Departamento de Educação Básica, da Secretaria de Estado da Educação, reúne em Curitiba nesta quinta e sexta-feira (27 e 28) cerca de 70 profissionais da educação, entre diretores de unidades de educação integral em tempo integral e chefes de Núcleos Regionais de Educação, para debater questões pedagógicas e de infraestrutura das unidades que ofertam o regime.

A rede pública estadual tem atualmente 62 unidades com essa oferta, sendo 44 com ensino fundamental, 14 com médio e outras quatro que oferecem fundamental e médio.

Na abertura, a secretária de estado da Educação, professora Ana Seres, destacou que o estado vem trabalhando para ampliar a oferta da educação integral em tempo integral. “Eram 28 unidades e este ano já passamos de 60. Estamos construindo políticas públicas para a educação integral em tempo integral, através de projeto de lei. Temos feito muitos esforços nesse sentido”.

A programação inclui temas pedagógicos, de recursos humanos e infraestrutura. Na quinta-feira (27) a programação foi promovida na Diretoria de Políticas e Tecnologias Educacionais da Secretaria, no bairro Boqueirão, com a participação do chefe do Departamento de Educação Básica, Cassiano Ogliari, e da coordenadora da ETI, Zulsi Rohr.

Na sexta-feira (28), a reunião será no auditório da Secretaria, na Vila Izabel, com representantes do Grupo de Recursos Humanos Setorial e do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar).

“Esta reunião é muito importante no sentido de garantirmos todo o suporte que essas unidades necessitam, seja no apoio pedagógico ou em questões relativas a recursos humanos e alimentação escolar, por exemplo”, disse Cassiano Ogliari.

A chefe de Núcleo de Paranaguá (Litoral), Selma Camargo Meira, tem uma escola do ensino fundamental de educação integral no tempo integral na região que atende cerca de 45 estudantes do 6º ano (duas turmas). “A comunidade aceitou muito bem a ampliação da jornada e temos notado muito empenho por parte dos professores”, afirmou Selma.

 

Vejas as demais publicações

obs: respeitar letras maiúsculas e minúsculas

obs: respeitar letras maiúsculas e minúsculas

Coluna 10

Artigo do Dia