Datas Comemorativas

Hoje é: Dia do Ministério Público.

Amanhã é: Dia do Técnico da Segurança do Trabalho.

Artigos

Ney Queiroz - neyazevedo@unibrasil.com.br

Coordenador do curso de Publicidade e Propaganda da UniBrasil.

A Revolução Social e as Formigas com Megafones

As manifestações que se espalham pelo Brasil são o puro reflexo da nova sociedade conectada. Cerca de 80% dos manifestantes souberam dos protestos por meio das redes sociais. E é através das redes sociais que as milhões de pessoas que ficaram em casa ficam sabendo do que acontece.

Antes, a sociedade dependida do "plantão" da Globo para tomar conhecimento de manifestações populares. Hoje, os populares é quem divulgam as manifestações para uma audiência ainda maior que a da Globo. Estamos vivendo a Revolução Social. Apesar de não ser noticiada pelos grandes canais de comunicação, a indignação do povo brasileiro saiu às ruas. Saiu do Facebook. Saiu do Twitter. Foi pras ruas e voltou pro Facebook. Voltou pro Twitter. A repercussão das passeatas ecoa através das mídias sociais em todo o país e em todo o mundo, mostrando a grandeza e a força de uma sociedade conectada.

Independente das questões políticas envolvidas, é claro que estamos vivenciando um novo momento no país. Um momento em que a voz das pessoas passa a ser ouvida em razão de uma verdadeira mobilização social, que só é possível por causa de uma nova "Mídia Social". Agora, mais do que nunca, está claro que as mídias sociais não são ferramentas de banalidades e futilidades. Quem não "tinha tempo" para redes sociais, deve repensar suas prioridades. O mundo mudou, o Brasil está mudando e, como disse Chris Anderson, hoje as formigas têm megafones.

Veja outros artigos deste autorVeja artigos de outros autores

obs: respeitar letras maiúsculas e minúsculas

obs: respeitar letras maiúsculas e minúsculas