Datas Comemorativas

Hoje é: Dia do Ministério Público.

Amanhã é: Dia do Técnico da Segurança do Trabalho.

Artigos

Antoniella Polinari Cavassin - imprensa@marista.org.br

Coordenadora psicopedagógica do Ensino Fundamental I, do Colégio Marista Santa Maria, da Rede de Colégios do Grupo Marista.

Grêmio Infantil: compromisso com a formação política

As Matrizes Curriculares que orientam as ações das escolas apontam que, junto à excelência acadêmica, os estudantes devem desenvolver competências tecnológicas, ético-estéticas e políticas. A escola de hoje, portanto, precisa assumir o compromisso com a formação de sujeitos comunicadores, pesquisadores e solidários. Para desenvolver este perfil ao longo da escolaridade, princípios como ética e busca do sentido da vida, solidariedade e cultura da paz, protagonismo e co-responsabilidade, diversidade e multiculturalidade, devem estar presentes nos conteúdos estudados pelas crianças.

Do ponto de vista político, este ano tem sido especial para ensinar às crianças sobre representatividade. Da sessão de votação de impeachment transmitida ao vivo pelas TVs abertas, na qual cada deputado justificou sua posição, às eleições que se aproximam e por meio do horário eleitoral gratuito, que permitem que, teoricamente, tenhamos acesso às propostas dos candidatos, temos elementos de sobra para discutir o tema em sala de aula.

Mas nada melhor do que vivenciar uma situação para entender o seu real significado. Escolher um representante, acompanhar o que ele efetivamente faz, e cobrar ou reconhecer a sua atuação é um exercício que fortalece a democracia e que pode começar bem antes dos 16 anos por meio de projetos como os grêmios estudantis.

No Colégio Marista Santa Maria, a prática da escolha do representante começa cedo, por meio do grêmio infantil, voltado às crianças de 9 a 10 anos. A iniciativa, cujo símbolo de liderança é um avental representando “estar a serviço”, acontece desde o ano de 2008 e tem por finalidade discutir interesses e questões que afetam diretamente o cotidiano das crianças do Ensino Fundamental. Estimula o protagonismo por meio da negociação, da construção coletiva de soluções para os problemas discutidos, tendo como princípio o respeito aos diferentes pontos de vista e assim contribui com a missão “de formar cidadãos humanos, éticos, justos e solidários para a transformação da sociedade”.

Durante a condução do processo eleitoral do grêmio, as crianças são orientadas a observar nos candidatos a sua postura. Gentileza, pontualidade, capacidade de ouvir e respeitar a escolha dos outros são alguns dos comportamentos ensinados algumas atitudes valorizadas.

Os pais também são orientados a conversar com os filhos sobre política, expor suas ideias sem usar palavras ofensivas, mostrando seu ponto de vista sem usar expressões que denigram a integridade das pessoas em questão e, essencialmente, valorizando o respeito às diferenças e a não violência.
Com atitudes como estas, acreditamos que família e escola caminharão juntas na formação de futuros representantes da sociedade, que terão seus comportamentos suas ações baseadas na ética e na solidariedade, valorizando o bem comum e lutando por ele.

Veja outros artigos deste autorVeja artigos de outros autores

obs: respeitar letras maiúsculas e minúsculas

obs: respeitar letras maiúsculas e minúsculas